Informativo DFW

Cashback realmente vale à pena?

Para quem ainda não conhece, cashback significa “dinheiro de volta” e é uma prática que tem crescido muito aqui no Brasil com o objetivo de dar vantagens aos clientes e impulsionar as vendas. Mas, afinal, como isso funciona?

Ao fazer uma compra em um site que oferece esse serviço, o cliente recebe uma parte do valor da compra de volta. Essa devolução pode ser feita em dinheiro (na conta-corrente ou em uma carteira digital) ou em forma de desconto em futuras compras, e segue os termos que cada empresa declara previamente.

Alguns bancos digitais oferecem o cashback em forma de crédito ou pontos quando a compra é feita com o cartão próprio, e assim fica ainda mais fácil, pois pode ser aproveitado em qualquer site/estabelecimento.

Muitas empresas e bancos já aderiram a esse serviço, que tem ganhado força entre os consumidores, principalmente no ambiente virtual. Mas a pergunta que queremos esclarecer hoje é: realmente vale à pena?

Muitas vezes o objetivo de economizar e a sensação de recompensa que o cashback produz podem fazer com que você como cliente não analise a situação antes de tomar a decisão de compra. Por isso, antes de finalizar o pedido, leve em conta o seguinte:

  • Pesquise o valor do mesmo produto em outros sites e compare, pois há vezes que, mesmo sem receber nada de volta, o preço ainda assim está mais baixo;
  • Veja se há outras promoções que valham mais à pena, como descontos progressivos ou melhores formas de pagamento;
  • Não compre por impulso, faça as contas com detalhes e avalie.

     Feito isso, se você chegou à conclusão que a proposta do cashback é a mais vantajosa, cai pra dentro! Mas como sempre orientamos, verifique se o site é confiável antes e leia atentamente as condições, combinado?!

Compartilhe!
, , , , , ,
About Claudio Lisias de Lemos
Formado em Ciências de Computação na USP - Sócio da AgênciaDFW